Homenagem a Oxalá


Pai, vós que fizestes nascer no chão impuro uma flor alva como vosso manto, para significar a paz; Vós que ao firmamento destes o azul do amor e o afeto, e que pusestes na vermelhidão do fogo a magia significativa da eternidade; Vós que destes ao Sol os raios quentes e dourados para que cobrissem de riquezas a Terra de vossos filhos; Vós que cobristes as matas verdes de esperanças e fizestes brotar do solo o alimento; Vós que, na imensidão das águas do mar, mostrastes a grandiosidade do vosso poder Tudo isso e muito mais fizestes, Pai! Destes a vida a um ser inanimado e o chamastes de Homem; Com um só sopro, o fizestes quase à vossa semelhança, dando-lhe a faculdade de raciocínio e o livre-arbítrio para escolher uma vida própria. Só o desprouvestes de uma coisa, a mais importante, a que todos procuram quando têm boa vontade, numa luta de muitas vidas consecutivas para assemelharem-se a vós: a tão grandiosa e almejada perfeição! Oxalá, meu Pai, que vós nos deis sempre luz em nossa vida; alento em nossa jornada; paz para nossos dias e cada vez mais fé em vós, onipotente Pai!

 

Características

 

Hábitat – Praia deserta ou Colina descampada
Sincretismo – Nosso senhor Jesus Cristo
Vibração – Poder supremo, assuntos espirituais
Assuntos Relacionados – Todos os trabalhos positivos
Atuação – Paz interior
Parte do Corpo – Todo o corpo, especialmente a parte psíquica.
Data Comemorativa – 25 de Dezembro
Dia da Semana – Domingo
Fase da Lua – Todas as Fases da Lua
Essências – Aloés, Almíscar, Lírio
Horários mais Favoráveis – 6:00hs e 18:00hs
Cores – Branco e Dourado
Pedras – Brilhante, Cristal de rocha, Quartzo leitoso
Metal – Ouro
Flores – Todas as flores brancas, especialmente os lírios
Banhos de descarrego – Essência de Aloés (7 Gotas), Tapete de Oxalá
Libação – Mel. Vibra sobre todas as libações.

 

Fonte – Babalorixá Paulo Newton de Almeida